domingo, 23 de outubro de 2011

Esquecimento


Estava hoje de volta de uma frase para uma ocasião especial (não pelos melhores motivos, mas que nem por isso deixa de ser especial), quando me saiu esta frase:

"Não é a morte que traz o esquecimento, mas o esquecimento que mata as pessoas. Nunca sereis esquecidos e por isso estareis para sempre vivos nos nossos corações."

Pondo-me depois a refletir sobre o que tinha escrito percebi a importância e o alcance dessas mesmas palavras.
Efetivamente, não é a morte que dita o esquecimento das pessoas. Não é quando as pessoas morrem que deixam de existir, as pessoas apenas deixam de existir quando nós nos esquecemos delas, quando ninguém as sente, as relembra, as evoca. É por isso que existem pessoas imortais, pessoas que não sucumbem ao peso do tempo, que o vento não leva os seus nomes, pessoas geniais.
E o génio das pessoas pode-se manifestar das mais diversas maneiras: pelos seus escritos, pelas suas palavras, pelas suas ações, pelas suas atitudes, pelo seu amor, pela capacidade de amar ou de sofrer, pela entrega, pela arte,pela música, pelo trabalho, por tanto mais...
Não sejamos, por isso, medianos, fomos criados e feitos para a genialidade! Não tenhamos medo de ser geniais e de nos perpetuarmos pelo tempo...

4 comentários:

  1. será que te esqueceste de mim,... então deixarei de ser imortal,...

    ResponderEliminar
  2. divulga o blogue eucontotucontinuas.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá. Boa tarde. Depois poderás divulgar tu mesmo. Estou a preparar um projeto novo. Este não chegou a arrancar com a força que eu gostaria. Em breve haverá novidades. Depois darei notícias. Forte abraço

      Eliminar
  3. Olá. Boa tarde. Depois poderás divulgar tu mesmo. Estou a preparar um projeto novo. Este não chegou a arrancar com a força que eu gostaria. Em breve haverá novidades. Depois darei notícias. Forte abraço

    ResponderEliminar